As Jornadas


A 4ª edição das Jornadas de Turismo do Instituto Politécnico de Tomar (IPT), pretende relevar a importância do efeito multiplicador que o turismo poderá ter sobre outros setores advindos das próprias dinâmicas dos destinos culturais e turísticos e da sua capacidade de competitividade e atratividade. Encontrando-se ou não o turismo em processo de mudança de paradigma, é certo que se têm verificado transformações significativas no setor que tem impulsionado a mudança sobretudo ao nível do incremento da sustentabilidade. Em parte, esta mudança deve-se a um tipo de consumo por parte de quem visita os territórios, procurando-se a valorização dos produtos, as experiências e as emoções genuínas – diversidade e qualidade. O incremento da concorrência entre os destinos promove a necessidade de uma reinvenção e reestruturação onde o incentivo à participação da(s) comunidade(s) local passa pela oferta de experiências que se encontrem intrinsecamente ligadas ao território e à cultura local.

Neste sentido, as 4ªs Jornadas de Turismo: turismo cultural e religioso encontram-se organizadas através de um conjunto de painéis temáticos que conduzam à reflexão sobre:

  • a) a importância da comunicação digital para os territórios turísticos e culturais. O mundo digital altera-se diariamente e influencia diretamente o setor turístico, tornando-se fundamental comunicar: inspirar e fidelizar os visitantes e turistas.
  • b) a gastronomia como atrativo turístico-cultural-espiritual. A gastronomia é influenciada por vários fatores, mas sobretudo pela cultura e pela religião, constituindo-se um fator de identidade dos territórios.
  • c) as práticas de acessibilidade pelos caminhos do turismo cultural e religioso. A acessibilidade apresenta vantagens no processo de desenvolvimento turístico de qualquer território, devendo a acessibilidade incorporar todos os serviços e produtos turísticos.

Estas 4ªs Jornadas convidam a um momento de reflexão e debate de temas relevantes na área do turismo cultural e religioso com especialistas de renome do setor num contexto mais teórico sobre as temáticas específicas dos painéis apresentados. Ao mesmo tempo, convidam também para um contexto mais prático de visita técnica ao Laboratório de Turismo do IPT no Convento de Cristo de Tomar.

Participe!

 

 

Programa


Receção - 16 de Dezembro de 2022


Receção aos Participantes
09h40
Sessão de Abertura
10h00
Filipa Fernandes, Vereadora da Divisão de Turismo e Cultura da Câmara Municipal de Tomar
Francisco Carvalho, Diretor da Escola Superior de Gestão de Tomar
Eunice Lopes, Diretora dos Cursos de Turismo do Instituto Politécnico de Tomar

1º Painel

Territórios turísticos e culturais na senda da comunicação digital

Eunice Lopes, Instituto Politécnico de Tomar


10h30
Adriana Rodrigues, Chefe do Núcleo Comunicação, Imagem e Relações Públicas na Turismo Centro de Portugal e Presidente da Direção da Centro de Portugal Film Commission
Bernardo Conde, Fotógrafo, Coordenador Trilhos da Terra, Organizador Exodus Aveiro e Líder de Viagens

Pausa para café


2º Painel

Turismo, gastronomia e espiritualidade

Sónia Pais, Instituto Politécnico de Tomar


11h55
Norberto Pinto dos Santos, Professor Catedrático na Universidade de Coimbra. Gestor da Cátedra Unesco Turismo Cultural e Desenvolvimento, Sorbonne- Pantéon, Paris ( a confirmar)

Debate


12h30

Almoço Livre


13h00

3º Painel

Práticas de acessibilidade pelos caminhos do turismo cultural e religioso

José Rodrigues, Instituto Politécnico de Tomar


15h00
Helena Pereira, Turismo de Portugal
Ana Bento, Chefe da Divisão de Desenvolvimento Territorial e responsável pelo Centro de Interpretação da Batalha do Vimeiro (CIBV)

Debate


16h00
Encerramento
17h00
Eunice Lopes, Docente do IPT e Diretora dos cursos de Turismo do IPT

Receção - 17 de dezembro de 2022 - Convento de Cristo de Tomar - Sala L.TOUR.IPT


09h45
Francisco Carvalho, Diretor da Escola Superior de Gestão do IPT
Luís Mota Figueira, Diretor do Laboratório de Turismo do IPT
Eunice Lopes, Diretora dos cursos de Turismo do IPT
Estudantes dos cursos de Turismo do Instituto Politécnico de Tomar

Laboratório de Turismo, Tomar

Coordenação: Luís Mota Figueira, L.tour.ipt


PROJETO “DA PEDRA À ARTE” – SALA DOS ESTUDOS – APRESENTAÇÃO-INTERPRETAÇÃO ICONOGRÁFICA DA ABÓBADA
10h00
Rui Ferreira
Elisabete Gameiro
Fernando Costa
Luís Mota Figueira
Estudantes de Turismo Patrimonial e Desenvolvimento Local (LGTC, 3ºano)


Almoço de Encerramento


Galeria






Organização


Eunice R. Lopes (eunicelopes@ipt.pt) |Coordenação


Luís M. Figueira (lmota@ipt.pt) |L.Tour.ipt |dia 17 de dezembro de 2022 no Convento de Cristo de Tomar| Colaboração: estudantes do 3º ano, LTGPC


Alexandra Figueiredo (alexfiga@ipt.pt) | dia 16 de dezembro de 2022 - Eventos flash mood de Educação Patrimonial| Colaboração: estudantes do 2º ano, LTGPC

 

STAFF Estudantes (dia 16 de dezembro de 2022 - Auditório O106)

Licenciatura em Turismo e Gestão do Património Cultural (1º ano)

Beatriz Pereira (manhã)

Verónica Guiomar (tarde)

Licenciatura em Turismo e Gestão do Património Cultural (2º ano)

 

Licenciatura em Turismo e Gestão do Património Cultural (3º ano)

Daniel Silva (manhã)

Patrícia Henriques (tarde)

cTeSP em Gestão de Turismo (1º ano)

 

cTeSP em Gestão de Turismo (2º ano)

Beatriz Macedo (manhã)

Alexandra Pêgas (tarde)

 

 

 

 

     
     
     
     
     

Inscrição gratuita

Ficha de inscrição






<

Pausa para café (+info)

*Coffee Break oferecido pelo Centro de Emprego e Formação Profissional do Médio Tejo, Tomar.

**Exposição e venda de LIVROS de TURISMO (Livraria/Papelaria Nova de Tomar - Sala O106).

Almoço de Encerramento (+info)

Almoço de encerramento na Casa das Ratas & Matreno. Pagamento no local.

Adriana Rodrigues

Adriana Rodrigues é Presidente da Direção da Centro de Portugal Film Commission, desde setembro 2021, tendo sido Secretária da Mesa da Assembleia Geral no anterior mandato. É Chefe do Núcleo Comunicação, Imagem e Relações Públicas na Turismo Centro de Portugal, desde 2019. De 2014 a 2019, chefiou o Núcleo Administração Geral e Comunicação na mesma entidade.
Tem um doutoramento em Psicologia Social Aplicada aos Contextos Organizacionais e Político-Jurídicos pela Universidade de Santiago de Compostela, Espanha; é licenciada em Psicologia, Ramo Trabalho e Organizações, pela Faculdade Psicologia e Ciências da Educação da Universidade Coimbra e uma Pós-Graduação em Comunicação Empresarial pela Porto Business School.
Iniciou sua carreira profissional como técnica de Recursos Humanos, com responsabilidades nos domínios da formação profissional, Executive Search e Recrutamento e Seleção, em dois grandes grupos nacionais: Unicer (2004 - 2006) e Visabeira (2006-2007).
De 2007 a 2009, foi diretora de Desenvolvimento Organizacional no IPDT - Instituto de Planejamento e Desenvolvimento do Turismo. De 2009 a 2013, foi vereadora da Câmara Municipal de Vale de Cambra nas áreas de Cultura, Desporto, Turismo, Associativismo e Juventude. 

Eunice Ramos Lopes

Professora Adjunta da Escola Superior de Gestão de Tomar no Instituto Politécnico de Tomar. Diretora dos Cursos de Turismo do Instituto Politécnico de Tomar.

Curso de Formação Avançada em Turismo pelo DEGEIT- UA. Doutoramento em Antropologia (Especialização em antropologia do turismo, política e imagens da Cultura e museologia) pela FCSH- UNL. Mestrado em Património e Museologia pela FCSH-UNL.

Membro da Unidade de I&D-TECHN & ART, IPT. Membro colaborador do CiTUR, IPL; do CRIA-FCSH, UNL e do GOVCOPP, UA.

Membro do conselho editorial e científico de revistas académicas nacionais e internacionais e membro de comités organizadores e científicos de conferências internacionais de turismo.

Áreas de investigação: turismo, antropologia do turismo, património e museologia.

 

Filipa Fernandes

Filipa Fernandes, vereadora da câmara municipal de Tomar, eleita para o mandato 2021-2025, nasceu em 1983 e veio viver para Tomar quando tinha 5 anos.

Licenciou-se em Animação Socioeducativa na Escola Superior de Educação e pós-graduou-se em Património Cultural e Imaterial na Universidade Lusófona.

Enquanto estudava e após vários estágios curriculares na área social e cultural, coordenou e monitorizou campos de férias para crianças e jovens.

Em 2010, inicia a sua carreira na área da intervenção e ação social, com especial enfoque na intervenção sociofamiliar e prevenção de abandono escolar em fase precoce, bem como lecionando na sua área de formação.

Em 2014, começou a trabalhar na junta de freguesia urbana de Tomar, onde desempenhou funções de gestão na área social, cultural e educativa

Luís Mota Figueira

Professor Coordenador- Instituto Politécnico de Tomar, UD-Ciências Sociais. Membro: Integrado no GOVCOPP – Univ. Aveiro; Colaborador no Techn&Art – IPT; no CITUR – IPL; Geociências - Univ. Coimbra; Conselho Geral do Instituto Politécnico de Tomar; Conselho Científico da Escola Superior de Gestão de Tomar. Diretor do L-Tour.ipt – Laboratório de Turismo- Doutoramento em História da Arte (Univ. Coimbra) - Pós-Doutoramento em Turismo, (Univ. Aveiro) - Diretor Técnico do Museu Agrícola de Riachos e Casa Memorial Humberto Delgado-Brogueira, Torres Novas. Investiga em Turismo, Roteirização, Património Cultural, História da Arte, Museologia/ Museografia. Publicou, entre outros: Manual para Elaboração de Roteiros de Turismo Cultural (2013); Apresentação - Interpretação Patrimonial em Turismo (2018), em http://www.cda.ipt.pt; Igreja de Nossa Senhora da Graça – Sé Catedral da Cidade da Praia da Ilha de Santiago-Cabo Verde: Subsídios para um Guia de Visita e Interpretação (edição 2019 do IDECI, sob original de 2008), em http://ideci.pt/ .

José Rodrigues

Doutor em Novos Recursos em Turismo pela Universidade de Salamanca. Tem várias publicações e comunicações em congressos nacionais e internacionais no âmbito do turismo sénior e no domínio do desenvolvimento, planeamento, turismo e territórios do interior. Vasta experiência profissional na área do Turismo e Direção Hoteleira. Atualmente é membro da equipa de Investigação para a elaboração do Plano Estratégico de Desenvolvimento Turístico do Concelho de Vila de Rei, Investigador no projeto Estação Náutica de Avis, Membro da equipa de Investigação para a definição e Operacionalização do Quadro Metodológico para Recolha e Análise de Dados Estatístico |Rede Aldeias Históricas de Portugal. Investigador colaborador do CITUR e do CICS.NOVA.UÉvora.

Ana Bento

Ana Margarida dos Reis Bento licenciou-se em História pela Faculdade de Letras da Universidade de Coimbra no ano de 2006, tendo concluído o Ramo de Formação Educacional em 2007. No ano de 2009, concluiu o Mestrado em Política Cultural Autárquica, na mesma Instituição. Entre 2009 e 2012, exerceu funções docentes. No ano de 2013, passou a desempenhar a função de Técnica Superior do Município da Lourinhã responsável pelo Centro de Interpretação da Batalha do Vimeiro e, a partir de janeiro de 2021, é a Chefe da Divisão de Desenvolvimento Territorial do Município da Lourinhã.